segunda-feira, 29 de abril de 2013

Uma vizinha muito especial ...


Tia Gardênia voltou da cozinha trazendo os biscoitos de baunilha e uma jarra de leite gelado. Sentados na pequena mesa da sala, serviu Diego e Laura, que já estava morrendo de curiosidade para comer os biscoitos.
─ Fiquem à vontade crianças! Vou terminar de assar os biscoitos e já volto pra falar com vocês!
Tia Gardênia voltou para a cozinha, Laura decidiu experimentar os biscoitos, que pareciam tão comuns quanto os que sua própria mãe assava, a não ser pelo aroma que se espalhava por toda a casa. Diego esperou que Laura mordesse o primeiro o biscoito.
─ Você primeiro!
Diego estava com um sorriso de quem sabia o que viria logo a seguir.
─ Tá legal!
Laura mordeu o biscoito.
─ Meu Deus! Isso tá delicioso! Acho que nunca comi nada tão gostoso em toda a minha vida!
Laura continuou comendo o biscoito. Mordeu mais um pedaço e sentiu uma textura áspera. Tirou o pedaço da boca e viu que dentro dele havia um pedaço de pergaminho.
─ O que é isso?
E uma pequena mensagem. Alguns biscoitos vêm com mensagens dentro deles.
─ Ei! Você foi premiada!
Diego disse já partindo um biscoito.
─ Ah! O meu não tem nada!
Tia Gardênia voltou da cozinha, um pouco corada por causa do calor do forno.                             
─ E então menina? O que está escrito aí? Vejo que recebeu uma mensagem!
Laura abriu o pedaço de pergaminho e leu o que estava escrito:
─ “O mundo que se manifesta ao seu redor é apenas um reflexo do que você vive no interior”.
Laura saboreou aquelas palavras assim como havia feito com o biscoito.
─ Como assim, Tia Gardênia?
Laura queria mais explicações, ainda não estava satisfeita.
Tia Gardênia se aproximou e sentou-se no meio de Laura e Diego.                                     
─ Vocês já pararam alguma vez para olhar o que acontece ao seu redor? A maioria dos jovens hoje se preocupa com o futuro: o que vão cursar na faculdade, aonde vão querer estar, o que vão ser daqui há alguns anos, etc. Mas se esquecem de que devem construir o agora. Não adianta reclamar de que o que se manifesta ao seu redor não lhe agrada, se você passa todo o seu tempo a planejar um futuro que sequer existe... Laura, se hoje você está feliz ou não com o que se manifesta ao seu redor, é porque você criou isso. Você é responsável por tudo o que se manifesta na sua vida.

Em breve teremos um trechinho do segundo livro de "Das estrelas ao coração"... Aguardem ! :D